Blogger Widgets

[Resenha #149] Querer sem Medida de Gilmar Marcílio @belasletras





Título: Querer sem Medida
Autor: Gilmar Marcílio
Editora: Belas-Letras
Páginas.: 159
Ano: 2012
Adicione o livro no Skoob aqui

Sinopse:
Para quem tem sensibilidade, tudo tem o que contar. Lugares, pessoas, animais. A intensidade do olhar de um cão, a leveza das manhãs de domingo, o aprendizado com as perdas que a vida impõe, ou simplesmente o silêncio – tudo se transforma em poesia nestas histórias que se desenrolam junto com a sensação de que são as pequenas coisas que nos fazem querer sem medida. Que nos fazem querer viver, pois nossa única certeza é que estamos todos a serviço da transitoriedade – os grandes e os pequenos.


Resenha:

A primeira coisa que me chamou atenção nesse livro foi a belíssima capa, com o filhote de cachorro fofo, confesso que nem tinha lido a sinopse, então não sabia o que esperar do livro, e o que eu encontrei foi cinquenta e três crônicas incríveis, e extremamente bem escritas, que te faz viajar por vários assuntos, te faz refletir e torna a leitura envolvente. O autor fala sobre situações cotidianas e corriqueiras com uma linguagem poética, nos relembrando de coisas que já esquecemos em nosso dia-a-dia corrido. Este livro te toca profundamente nos falando de valores já perdidos pelas pessoas.


“A verdade é que não pode haver nenhum deleite em se ouvir o canto de um pássaro preso. Só mesmo um ser tão arrogante como o homem para querer transformar em prazer um exercício de privação e agonia." pág. 83

Poucos se permitem ousar. Entregar-se ao diferente. Transgredir. Porque a melhor maneira de existir não é necessariamente a que todos experimentam, seguindo a ordem pouco natural imposta pelas sociedades. Temos medo de parecer heréticos, como se algum guardião pudesse nos deletar ao conselho dos provedores da moral. Nossos desejos individuais são sufocados em nome da manutenção de regras que não fazem ninguém feliz.  Pág. 126

Uma das crônicas que gostei muito foi "O olhar dos cães", ele nos fala como devemos dar atenção a eles e a outros animais, e de como os animais são puros e procuram o amor dos humanos.
Cada crônica que eu lia, parava para pensar, em muitos momentos me identifiquei e em outros não.

Como sempre, a diagramação e revisão do livro está perfeita, parabéns para a editora. Também merece destaque a capa linda e as folhas amarelas.

Esta foi uma leitura muito gostosa, e levarei vários ensinamentos para a minha vida. Mais que recomendo este livro.



0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...