Blogger Widgets

[Resenha #152] Anjo Mecânico - As Peças Infernais de Cassandra Clare @galerarecord


 Livro: Anjo Mecânico
Autora: Cassandra Clare
Número de páginas: 392 – ISBN: 9788501092687
Editora: Galera Record – Ano de lançamento: 2012
Onde comprar :
Submarino


Anjo mecânico apresenta o mundo que deu origem à série Os Instrumentos Mortais, sucesso de Cassandra Claire. Nesse primeiro volume, que se passa na Londres vitoriana, a protagonista Tessa Gray conhece o mundo dos Caçadores de Sombras quando precisa se mudar de Nova York para a Inglaterra depois da morte da tia. Quando chega para encontrar o irmão Nathaniel, seu único parente vivo, ela descobrirá que é dona de um poder que capaz de despertar uma guerra mortal entre os Nephilim e as máquinas do Magistrado, o novo comandante das forças do submundo.


Resenha:

Eu amo todos os livros da Cassandra Clare. Ela é uma escritora tão talentoa e cada vez que eu abro um de seus livros, sou imediatamente sugada para dentro da história e me perco no encantador mundo mágico que ela cria e desfruto tudo seguindo os personagens nas aventuras e viagens que eles fazem. E felizmente, este livro não foi exceção

A vida de Tessa está prestes a mudar. Sua tia recentemente faleceu e o único membro da família que lhe resta é seu irmão e ela decide que é hora de se juntar a ele. Então, ela sai de Nova York e viaja por todo o oceano para ficar com seu irmão na Inglaterra. Ao chegar, ela é seqüestrada por duas bruxas que são chamadas as Irmãs. Londres está cheia de lobisomens, vampiros, fadas, feiticeiros etc... As Irmãs, duas feiticeiras, fazem Tessa perceber que ela não é totalmente humana. Ela pode assumir a forma de qualquer pessoa que quiser, contanto que ela tenha algo que pertencia a essa pessoa. As irmãs trabalham para o misterioso Magistrado e Tessa faz parte de seu plano maligno. Felizmente, Tessa é resgatada por um jovem chamado Will, um Caçador de Sombras. Caçadores de Sombras são guerreiros que protegem o mundo de demônios. Eles têm sangue de anjo e são conhecidos como Nephilim, porque eles têm sangue anjo em seu sistema, eles são mais rápidos, mais fortes e podem tornar-se invisível para os seres humanos. Depois de Will resgatar Tessa, ele a leva para o instituto de Londres, que é um porto seguro para todos os Caçadores de Sombras. Lá, ela descobre que seu irmão está desaparecido. Ela precisa encontrá-lo, mas ela vai precisar de ajuda. O Magistrado tem uma vingança contra os Caçadores de Sombras e fará qualquer coisa para destruí-los. Ele criou um exército mecânico com um único propósito de destruir os Caçadores de Sombras, mas de alguma forma Tessa é uma grande parte de seu plano. Assim, em troca de ajudar os Caçadores de Sombras contra o Magistrado, eles concordam em ajudar Tessa encontrar seu irmão.

    "- Não, é mais do que isso. É difícil explicar, mas... ele odeia os Nephilim. É algo muito pessoal para ele. E tem a ver com aquele relógio. É... é como se ele quisesse ser ressarcido por algum erro ou falta cometidos contra eles.
    - Reparações - disse Jem, muito repentinamente, repousando a caneta que estava segurando.
    Will o olhou confuso.
    - Isto é um jogo? Soltamos qualquer palavra que vier à mente? Neste caso a minha é "genufobia". Quer dizer pavor irracional de joelhos." Pág. 34


“Ele tinha o rosto mais bonito que Tessa já vira. Cabelos pretos emaranhados e olhos como vidro azul. Maçãs do rosto elegantes, lábios cheios, cílios longos e espessos. Até a curva da garganta era perfeita. Parecia como todos os heróis fictícios que já tinha imaginado. Apesar de nunca os ter imaginado xingando-a enquanto sacudiam a mão sangrenta de forma acusatória.”  Pág. 37

“Tessa não consegui para de encará-la. Era ridiculamente bonita. Nos romances de Tessa, seria chamada de uma rosa britânica por seus cabelos claros quase prateados, olhos castanhos-claros e pele cor de creme”  Pág.62

“Ele parecia curioso, mas nada irritado, apesar de Tessa ter invadido seu quarto no meio da noite e o surpreendido tocando violino com roupas de dormir, ou o que Tessa presumiu se tratarem delas. Usava calça folgada e uma camisa sem colarinho, com um roupão de seda por cima. Ela teve razão quando pensou que ele era jovem. Tinha provavelmente a idade de Will, e a impressão de juventude era acentuada pela magreza. Era alto, mas muito esguio, e, sumido sob a gola da camisa, Tessa podia ver as extremidades curvas dos desenhos pretos que já tinha conhecido na pele de Will e de Charlotte.” Pág. 91

    "O rosto de Gabriel se tornou sombrio.
    - Existe alguma coisa que não seja piada para você?
    - Não consigo lembrar de nada.
    - Sabe – disse Gabriel –, houve um tempo em que pensei que pudéssemos ser amigos, Will.
    - Houve um tempo em que achei que eu fosse um furão – disse Will –, mas acabou se provando ser o efeito do ópio. Sabia que tinha esse efeito? Porque eu não." Pág. 224


Gostei instantaneamente de nossa heroína, Tessa. Ela é uma personagem muito forte e, apesar de toda a confusão em torno do que ela exatamente é, ela sabia quem ela era e permaneceu fiel a si mesma. Ela é valente e corajosa, apesar de ter sido violentamente jogada em um mundo que ela não tinha idéia. Ela também adora ler e eu realmente gostei de ouvir suas opiniões sobre alguns dos clássicos. Os personagens coadjuvantes também tem suas próprias personalidades neste livro. Eu particularmente gostei de ler sobre Will, e confesso que tenho uma queda por um triângulo amoroso. Eu simplesmente amei todas as brincadeiras com a Tessa, os cometários engraçados que ele fez ao longo da história me fez sorrir e rir enquanto eu lia. Will tem também um passado muito misterioso que me deixou intrigada. Eu definitivamente estou ansiosa para saber mais sobre o seu passado. Jem também foi ótimo. Eu amei a sua bondade e a maneira como ele elogiou Will. Ele é muito forte e simpático e estou louca para saber se ele e Tessa vão acabar juntos.

O enredo foi incrível. É muito divertido descobrir pistas sobre o que exatamente está acontecendo com todos os nossos personagens. Estou constantemente fazendo teorias sobre o que vai acontecer durante a leitura.
A história é cheia de reviravoltas. Segredos, traições e mistérios não faltam.  Eu me vi surpreendida por basicamente, cada nova revelação.

Se você está tendo qualquer hesitação sobre a leitura desta série, você deve jogar esse sentimento para fora da janela e pegar este livro. Há tantos bons elementos. Ele tem humor, romance, ação, história, fantasia. É um belo livro cheio de personagens encantadoras e um mundo que vai tirar o fôlego. Já é um favorito!



6 comentários:

  1. Parabéns pela resenha Michelle! Já li Anjo Mecânico e curti bastante. Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Antes de começar essa série da Cassandra, confesso que tive um pouco de medo, imaginei, será que ela consegue repetir o sucesso de os instrumentos mortais?! Bem, meus medos foram jogados por terra, quando ela me apresenta, Tessa, Will e o fofo, lindo e charmoso, Jean, por quem sou completamente apaixonada!!! Sim, a história é ótimo, totalmente diferente, personagem diferentes. AMEI! AMEI! AMEI!!!

    ResponderExcluir
  3. Antes de começar essa série da Cassandra, confesso que tive um pouco de medo, imaginei, será que ela consegue repetir o sucesso de os instrumentos mortais?! Bem, meus medos foram jogados por terra, quando ela me apresenta, Tessa, Will e o fofo, lindo e charmoso, Jean, por quem sou completamente apaixonada!!! Sim, a história é ótimo, totalmente diferente, personagem diferentes. AMEI! AMEI! AMEI!!!

    ResponderExcluir
  4. Antes de começar essa série da Cassandra, confesso que tive um pouco de medo, imaginei, será que ela consegue repetir o sucesso de os instrumentos mortais?! Bem, meus medos foram jogados por terra, quando ela me apresenta, Tessa, Will e o fofo, lindo e charmoso, Jean, por quem sou completamente apaixonada!!! Sim, a história é ótimo, totalmente diferente, personagem diferentes. AMEI! AMEI! AMEI!!!

    ResponderExcluir
  5.    " "- Não, é mais do que isso. É difícil explicar, mas... ele odeia os Nephilim. É algo muito pessoal para ele. E tem a ver com aquele relógio. É... é como se ele quisesse ser ressarcido por algum erro ou falta cometidos contra eles. "
    "    - Reparações - disse Jem, muito repentinamente, repousando a caneta que estava segurando."
    "    Will o olhou confuso."
    "    - Isto é um jogo? Soltamos qualquer palavra que vier à mente? Neste caso a minha é "genufobia". Quer dizer pavor irracional de joelhos." Pág. 34"

    ESSA PARTE É DE PRINCIPE MECANICO!!
    AINDA ME LEMBRO COMO SE TIVESSE LIDO HOJE!

    ResponderExcluir
  6.    " "- Não, é mais do que isso. É difícil explicar, mas... ele odeia os Nephilim. É algo muito pessoal para ele. E tem a ver com aquele relógio. É... é como se ele quisesse ser ressarcido por algum erro ou falta cometidos contra eles. "
    "    - Reparações - disse Jem, muito repentinamente, repousando a caneta que estava segurando."
    "    Will o olhou confuso."
    "    - Isto é um jogo? Soltamos qualquer palavra que vier à mente? Neste caso a minha é "genufobia". Quer dizer pavor irracional de joelhos." Pág. 34"

    ESSA PARTE É DE PRINCIPE MECANICO, QUANDO ELES TINHAM QUE ACHAR MOTMAIN SE NAO CHARLOTTE PERDERIA O INSTITUTO!!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...