Blogger Widgets

[Resenha #229] Simplesmente irresistível - Rachel Gibson @geracaobooks




SIMPLESMENTE IRRESISTÍVEL
RACHEL GIBSON
Editora: JARDIM DOS LIVROS
Ano: 2013                 
Nº págs: 392
Gênero: Romance, Chick Lit

Compre: Saraiva
Classificação: 5 estrelas

SINOPSE:
Cheia de romantismo, humor e picardia, esta história da inigualável Rachel Gibson começa com o casamento, no Texas, da recém-formada Georgeanne com o milionário Virgil, um homem três vezes mais velho que ela. Os únicos talentos de Georgianne são cozinhar e falar muito, mas o que Virgil realmente aprecia nela é o corpo curvilíneo e perfeito. Percebendo que não é capaz de desposar um homem com idade para ser seu avô, Georgeanne larga o noivo no altar e foge com o astro do hóquei John Kowalsky, que joga no time do qual Virgil é proprietário. John não faz ideia da encrenca em que se meteu, e só percebe que está ajudando a noiva do seu chefe quando já é tarde demais. Uma longa noite se estende diante deles, e nenhum dos dois resiste à tentação de passá-la juntos. Mas, no dia seguinte, John dispensa Georgeanne para não comprometer sua carreira, deixando-a com o coração partido e sem rumo. Sete anos depois, os dois se encontram novamente. Georgeanne é sócia numa empresa de catering em seattle e ele deixou os dias de rebeldia para trás. outra surpresa aguarda John: ele descobre que aquela noite de amor produziu uma filha adorável e incorrigível, de cuja vida ele quer fazer parte. A paixão por Georgeanne renasce; mas será que ele vai se arriscar, novamente, a incorrer na cólera do seu patrão? Ela, vai aceitá-lo, depois de ter levado um fora dele? Diversão garantida também é o romance de Mae e Hugh, amigos dos protagonistas, nesta trama hilária, cheia de personagens impagáveis, de uma das autoras mais lidas e apreciadas da atualidade.



Resenha:



Simplesmente irresistível é um dos livros mais engraçados que eu já li este ano. É inteligente e tem alguns diálogos realmente hilariantes. Rachel Gibson é uma escritora talentosa, com um talento para escrever personagens realistas e profundos que você gostaria de encontrar na vida real.

John Kowalski joga hockey para os Chinook Seattle. Ele é famoso e cheio de si. Quando ele vai para o casamento do dono da equipe, ele está curioso para conhecer a mulher que será a próxima Sra. Duffey. Mas, pensando bem, ele decide pular fora do casamento e pegar a estrada. Mas, aparece uma jovem impressionante em um vestido muito apertado e pede uma carona. E é claro que ele vai fazer o seu dever de bom samaritano do dia e deixá-la em algum lugar. Mas, ao sair da propriedade, ele descobre que ela era para ter sido a noiva, e está pulando fora do casamento. Isso poderia custar-lhe o seu contrato com a equipe.

Georgeanne Howard é uma jovem do Texas, com muito a provar. Ela está em busca de seu lugar no mundo e erroneamente pensa que, se ela se casar com Virgil Duffey, ela vai encontrar alguém que vai cuidar dela e ela vai significar alguma coisa para alguém. Mas, na última hora, ela não consegue,então ela corre para fora da mansão só para encontrar um homem bonito prestes a sair. Ela pede uma carona a ele e, em seguida, quando ele pergunta se ela é uma amiga da noiva, ela deixa cair uma bomba, ela era para ser a noiva. Ela só precisa de algum tempo para se recompor e tomar algumas decisões sobre a sua vida. Mas não é isso que acaba acontecendo. Ela e John acabam na cama juntos e têm uma grande noite, e Georgeanne dá seu coração a John. Como a vida de John é uma bagunça e ele não tem intenção de aprofundar essa noite em um relacionamento, então na manhã seguinte, John a leva ao aeroporto e a deixa lá com uma passagem de volta para o Texas. Bem, isso não funcionou do jeito que ela havia planejado.

Georgeanne decide não voltar para o Texas. Não tem nada lá para ela. Então, ela encontra uma posição em uma empresa de catering e começa sua nova vida ali mesmo, em Seattle. Agora, sete anos mais tarde, Georgeanne é uma co-proprietária de uma empresa de catering de sucesso.

Uma noite, enquanto participava de um banquete de caridade, John se aproxima de Georgeanne. Ela entra em pânico, fica atordoada, assustada e desesperada para ficar longe dele, e quase não fala com ele, o que o deixa confuso, e quando ela sai, ela deixa cair o seu talão de cheques e ele está curioso sobre ela e por que ela está de volta em Seattle. Então ele entrega o talão de cheques para ela no dia seguinte em sua casa. Mas Georgeanne não é a que atende a porta, uma menina de cerca de seis anos de idade é quem abre a porta. Ela diz que sua mamãe está no chuveiro e ela o convida a entrar. Mas enquanto ele está conhecendo a criança percebe que ela se parece com ele quando ele era criança. Ela poderia ser sua?

John fica compreensivelmente chateado ao descobrir que ele tem uma filha que ele não sabia. Mas a última coisa que Georgeanne quer é ter John de volta em sua vida, mas ele está determinado a ser parte da vida de sua filha, e enquanto ele está começando a conhecer sua filha descobre que ele ainda está muito atraído por sua mãe. Será que eles podem superar todo o sofrimento? Será que eles irão encontrar uma solução para sua atração um pelo outro?

Fiquei impressionada com a capacidade da escritora de escrever um romance tão doce e engraçado. Ela escreve personagens que você consegue imaginar perfeitamente em sua mente.

Enquanto eu lia, vi Georgeanne lutar e se transformar em algo que ela quer ser motivo de orgulho, e isso realmente me ajudou a me conectar com a personagem. A autora não escreveu uma personagem perfeita, ela escreveu uma com falhas, como todos nós. E isso fez Georgeanne mais adorável.

John tem seus próprios demônios para enfrentar. Ele está lutando com a dor de perder sua esposa. Ele bebe muito no início, e é egoísta e rude a maior parte do tempo. Mas ele cresce muito ao longo da história. Ele coloca a sua vida de volta nos trilhos e lida com seus problemas da melhor maneira possível.

E o que dizer de Lexie? Simplesmente amei sua caracterização, Lexie é hilária. Ela simplesmente se destacou no livro. Ela fornece a maior parte do alívio cômico na história. Ri muito com ela.

Este livro trata de mais do que um simples romance. Ele fala sobre os problemas que Georgeanne teve que passar, e o suicídio da esposa de John, e o que é preciso para as pessoas superarem as suas inseguranças e erros cometidos.


A capa é a coisa mais diva! Simplesmente linda. E a diagramação, revisão e tradução, excelentes!!


Este romance é cheio de angústia emocional, humor e desejo. Eu ri muito, e eu me diverti conhecendo os personagens. Cada personagem é completo. Eu definitivamente recomendo para qualquer amante de chick-lit. E quem precisa de uma boa risada, é um refúgio perfeito para uma tarde.

8 comentários:

  1. Oi Michelle,
    Adoro livros engraçados e esse é uma boa pedida por ter humor e romance. Nunca li nada da Rachel, mas tenho muita vontade. A capa é muito fofa.
    bjs

    http://entrepaginasesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Legal, é difícil encontrar livros de humor que sejam realmente bons. Não que esse seja totalmente de humor mas me parece um toque de humor bem gostosinho de ler nos romances.
    Nunca tinha ouvido falar, vou colocar na minha listinha ;)

    O Vitrô

    ResponderExcluir
  3. Nunca tive vontade de ler nada da Rachel :/ nem sei o porquê hahaha
    Adorei a resenha, acho que vai pra wishlist :D

    Beijo

    ResponderExcluir
  4. awn acho q vou amar o livro, por tudo q vc descreveu dele.
    vou add a linha estante do skoob
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  5. Oie,
    menina eu estou curiosa para ler esse livro, já esta na minha listinha de desejados, ele parece ser mto fofo e gostei bastante dos outros livros da autora.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  6. Olá! Tudo na paz do nosso grandioso Deus? Espero que esteja! Tenho vontade de ler Rachel Gibson. Me pareceu ser um romance bem leve, gosto de chick-lits mais leves. E além do mais essa capa é linda!!!
    Beijocas! Fique com Deus!

    http://hey-mygod.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Deve ser um livro ótimo!!Já tinha visto esse livro e ele é muito legal..
    Desejo um dia poder lê-lo e dar muitas risadas com sua história..
    A capa é muito fofa mesmo!
    Bjs'

    ResponderExcluir
  8. Sabe quando vc nunca leu nada de determinada autora/autor e mesmo assim vibra quando vê alguma resenha de livros dela/dele? É mais ou menos assim comigo. Eu nunca li Rachel Gibson mas tenho absoluta certeza que quando isto acontecer vou cair de amores!!!

    Beijo, Van - Blog do Balaio
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...