Blogger Widgets

[Resenha #272] A Maldição de Long Lankin - Lindsey Barraclough @BertrandBrasil



A Maldição de Long Lankin
Lindsey Barraclough
Editora: Bertrand Brasil                   
Ano: 2013                 
Nº págs: 443
Gênero: Terror, Suspense
skoob

Classificação: 4 estrelas
Compre: Saraiva

Sinopse
- Quando Cora e sua irmãzinha, Mimi, são enviadas para a casa da tia-avó, no isolado vilarejo de Bryers Guerdon, não recebem calorosas boas-vindas e ficam desesperadas para voltar para Londres. A vida de tia Ida foi devastada da última vez que duas meninas estiveram em Guerdon Hall, e agora a chegada das sobrinhas-netas desperta um mal que permanecia à espreita havia anos. A maldição de Long Lankin marca a impressionante estreia de Lindsey Barraclough – sem dúvida, uma escritora instigante – e deixará os leitores arrepiados mesmo muito depois de virar a última página.
A narrativa dinâmica, as descrições de uma atmosfera assustadora, os personagens apavorantes e a trama sedutora deixarão o leitor fascinado e totalmente viciado em cada página. O mistério será desvendado aos poucos e dificilmente será solucionado antes da hora. A maldição de Long Lankin não é daquelas obras em que o leitor simplesmente junta as peças do quebra-cabeça, mas sim um livro em que ele terá que compreender as mensagens subliminares existentes em elementos inéditos, como a música tema, as lendas locais e os diálogos entre os personagens.


Resenha:


É 1958, e Cora, uma adolescente e sua irmã mais nova Mimi são enviadas para a casa de sua tia Ida na periferia de Bryers Guerdon, enquanto seu pai está em viagem de negócios e sua mãe está doente. Apesar de saber que coisas ruins acontecem quando crianças estão sob os cuidados de Ida, o pai não tem escolha a não ser mandá-las para essa tia. Uma senhora que algumas das crianças locais estão convencidas que é uma bruxa. Assim que as meninas chegam, elas se deparam com coisas estranhas. Há uma escultura acima da porta da frente da casa de Ida com um rosto assustador. Elas não estão autorizados a usar essa porta, também. Cora passa a ver coisas, a ter visões, e ouvir sons e vozes. 




Tia Ida mantém uma foto assustadora de um parente morto há muito tempo acima da porta do banheiro, e é a razão de Mimi não usar o banheiro durante a noite. Ida se recusa a tirar a foto e ela é insistente em limitar os lugares em sua casa, onde as meninas podem ir. Todas as janelas da casa são lacradas. Naturalmente, isto apenas aumenta a tensão na história. É uma casa mal assombrada. Ou, então somos levados a acreditar.

Cora e sua irmã conhecem um rapaz local, Roger, e seu irmão mais novo, e eles a levam para a igreja onde coisas estranhas acontecem lá, também. Eles acham que ouvem vozes e veêm coisas. Elas aprendem com eles a história secreta de Bryers Guerdon, e a razão para a paranóia da tia Ida. Um mal antigo espreita nos pântanos, um sombrio animal selvagem que roubou inúmeras crianças ao longo das gerações, e agora, o animal está captando o cheiro da jovem Mimi. Cabe a Cora, Roger, e sua tia Ida descobrir a verdade de Long Lankin e salvar Mimi do mesmo destino terrível que se abateu sobre tantas outras crianças ao longo dos anos, longos e escuros.

A história é contada através de múltiplas vozes: Roger, Cora e da tia Ida . A maior parte é através de Cora e Roger, e suas vozes são únicas e distintas. Cora nunca teve experiências estranhas antes, enquanto Roger cresceu aqui e tem mais experiência com isso. Já Ida tem sido vítima de assombrações e foi vítima de uma grande perda, também. A narrativa em terceira pessoa entre Cora, a tia Ida e Roger, é muito eficaz, porque o leitor capta dicas espalhados pela história.

Há uma série de personagens secundários, e muitos deles detêm as chaves para a história por trás de Ida, de sua casa, e da história da cidade. Todos estes elementos são cruciais para a história.

Além de dominar a arte de incutir medo no leitor, a história tem um grande enredo. Uma história original, do início ao fim . Houve reviravoltas e soluções que eu nunca teria pensado. Em nenhum momento descobrir o que ia acontecer a seguir. O suspense e a tensão dessa história foram bem construidos, e este livro é assustador! Não há realmente horror, mas este livro é inquietante.




A capa é linda e assustadora, tem uma textura diferenciada. A diagramação, revisão e tradução excelentes.

"A maldição de Long Lankin" oferece todos os elementos de uma história arrepiante. Existem as vozes, as mortes, uma casa mal-assombrada. Como eu adoro uma história de casa mal assombrada e terror, não conseguia para de ler até o final do livro. Recomendo.



1 comentários:

  1. Oie,
    menina fiquei na dúvida se iria gostar do livro. Ele me pareceu um terror ou um suspense, o que geralmente não faz muito meu estilo.
    Vou ler mais sobre ele antes de me decidir.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...