Blogger Widgets

[Resenha #305] A Queda de Lúcifer - Wendy Alec @ed_pensamento



Título Original: The Fall of Lucifer
Autor: Wendy Alec
Tradutor: Marcello Borges
ISBN: 978-85-64850-53-8
Gênero: Ficção fantástica
Páginas: 301
Editora: Jangada
Skoob
Classificação: 3 estrelas
Compre: Submarino

     Sinopse:
Um épico arrasador, ambientado em palácios celestiais opulentos e mundos infernais aterrorizantes, A Queda de Lúcifer conta uma epopeia mais antiga que o próprio universo, sobre demônios e anjos guerreiros, sobre amor obsessivo, traição e um mal antigo que não conhece limites. O próprio universo será abalado por uma guerra entre três irmãos angelicais – Miguel, Gabriel e Lúcifer. Uma guerra travada pelo maior prêmio do universo: a raça humana.


Resenha:




O primeiro livro da série As Crônicas dos Irmãos Celestiais começa no início, antes que Deus criou o homem. O livro baseia-se na relação entre os três irmãos angelicais Michael, Lúcifer e Gabriel. O romance retrata antes da queda, os irmãos tiveram uma união, uma boa amizade. Vamos ver como Lúcifer vai para o caminho errado e se torna o inimigo da humanidade e de Deus. Você começa a ver a partir de dentro da mente mais diabólica da história e como ele tomou a sua decisão de se rebelar. A dor e agonia que ele faz a si mesmo e a todos os outros no céu é bem documentada.


Para amarrar a história em uma linha do tempo moderna, a autora usa a família de De Vere. Uma família com três irmãos que vagamente espelham os irmãos angelicais. Jason, Adrian e Nick. Enquanto você lê, você começa a descobrir a trama principal para destruir a raça humana para sempre, ou pelo menos manter-nos afastados de Deus. O propósito completo para os irmãos terrenos não é divulgado, levando o leitor a imaginar o que eles são. Você vai querer ler o próximo livro para ver o que acontece com Nick.

A história salta para trás e para a frente, indo de muitos pontos de vista, muito rapidamente. Pode ser desorientador se você não prestar bastante atenção. Às vezes é difícil distinguir quem está falando. Seu estilo de escrita não me agradou muito, sendo uma leitura um pouco difícil. Mas gostei da descrição dos palácios e reinos.



A capa é bonita, a diagramação e revisão ótimos!

Os laços emocionais entre Lúcifer e Cristo é convincente. Você sente a sua dor, quando ele diz adeus a seus irmãos e do Deus que ama. O leitor também começa a provar sua inveja e orgulho quando ele quer sua vingança por ter perdido os direitos sobre o céu e sobre o homem. Quando as cenas se deslocam para o futuro, o enredo não é totalmente revelado neste livro, deixando o leitor curioso. Confesso que esperava mais desse livro, ele não é ruim, mas só tinha uma idéia diferente do que seria. Bom, espero pelos próximos livros, para ver o que vai acontecer na história.




0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...