Blogger Widgets

[Resenha #423] Nosferatu - Joe Hill @editoraarqueiro @joe_hill



Título: Nosferatu
Autor: Joe Hill
Editora: Arqueiro
Edição: 1
Ano: 2014
ISBN: 978-85-8041-297-0
Skoob
Classificação: 5 estrelas
Compre: Submarino

Victoria McQueen tem um misterioso dom: por meio de uma ponte no bosque perto de sua casa, ela consegue chegar de bicicleta a qualquer lugar no mundo e encontrar coisas perdidas. Vic mantém segredo sobre essa sua estranha capacidade, pois sabe que ninguém acreditaria. Ela própria não entende muito bem.
Charles Talent Manx também tem um dom especial. Seu Rolls-Royce lhe permite levar crianças para passear por vias ocultas que conduzem a um tenebroso parque de diversões: a Terra do Natal. A viagem pela autoestrada da perversa imaginação de Charlie transforma seus preciosos passageiros, deixando-os tão aterrorizantes quanto seu aparente benfeitor.
E chega então o dia em que Vic sai atrás de encrenca... e acaba encontrando Charlie.
Mas isso faz muito tempo e Vic, a única criança que já conseguiu escapar, agora é uma adulta que tenta desesperadamente esquecer o que passou. Porém, Charlie Manx só vai descansar quando tiver conseguido se vingar. E ele está atrás de algo muito especial para Vic.
Perturbador, fascinante e repleto de reviravoltas carregadas de emoção, a obra-prima fantasmagórica e cruelmente brincalhona de Hill é uma viagem alucinante ao mundo do terror.

Resenha:

Na década de 1980, Victoria McQueen é uma menina de oito anos de idade que vive em um lar problemático. Seus pais não se dão bem e vivem brigando. Um dia, eles estavam brigando por causa do sumiço da pulseira de sua mãe, e Vic, afligida por toda a cena, pega sua bicicleta e sai furiosamente. Ela se dirige para a ponte coberta que está perto de sua casa; é longa, velha, e decrépita, e ela foi proibida de entrar. Mas neste dia em particular, ela entra de qualquer jeito, e quando ela sai do outro lado, ela se encontra em Hampton Beach, New Hampshire; o que é estranho, considerando que ela vive em Haverhill, Massachusets. No entanto, lá está ela, em Hampton Beach, que é o lugar onde a pulseira perdida da mãe está. Ela a recupera, leva-a para casa, e entra em colapso, com febre.



Esta não será a última vez Vic usa sua ponte para encontrar algo que foi perdido. Sua ponte é um canal mágico que permite a ela encontrar objetos perdidos e percorrer distâncias impossíveis, mas aparentemente reais.

Nosso vilão nessa história se chama Charlie Manx. Ele tem bem mais de cem anos de idade, e é uma espécie de vampiro., mas não é; ele não bebe sangue, e não tem nenhum problema em andar em plena luz do dia. Mas, certamente ele se alimenta de pessoas. Especificamente, de crianças. Assim como Vic, Charlei Manx tem um algo que o transposta magicamente: um Rolls-Royce Wraith 1938, que o transporta para um lugar chamado Terra do Natal, onde é Natal o ano todo. Charlie rapta crianças para esse local, aproveitando-se de sua infelicidade para seduzi-los. Você não vai encontrar a Terra do Natal em nenhum mapa, mas ela existe. A entrada é através do Rolls Royce Wraith, um carro que é uma extensão de Charlie Manx. Quando as pessoas tentam escapar pulando no banco da frente, encontram-se no banco de trás. O carro esconde muitas coisas, como também, às vezes, age por conta própria a serviço de Charlie Manx. Ele sempre diz ao seu assistente Bing e a todos que quisessem ouvir que a Terra do Natal é um lugar sem preocupações, onde as crianças podem sempre ser felizes e sorrir. Mas, claro que isso tem um preço, terão que desistir de seu livre-arbítrio e de sua alma, mas Charles não contar a ninguém. O que torna a idéia de Terra do Natal tão poderosa é a preparação para a sua entrada.


Um dia, quando Vic entra em sua ponte, ela a leva direto para Charlie Manx, e quando ela escapa de sua fúria, ela se torna a primeira de suas vítimas à sobreviver. Mas quando Vic retorna à realidade, Manx está preso na cadeia, e ela se lembra de duas versões dos acontecimentos: a primeira, cheia de pontes fantásticas, locais impossíveis, coisas impraticáveis; a segunda, que foi sequestrada e drogada e mantida em cativeiro por Manx por dias. Em face da realidade, ela e seus psiquiatras empurram para a sua mente aceitar esta última como a verdade. Anos de terapia e produtos farmacêuticos a convenceu de que suas viagens e tudo o que aconteceu são apenas consequência de sua doença mental, e ela finalmente parece estar à beira de reconstruir sua vida. Mas, Charlie Manx está de volta e tem outras idéias e tem o desejo de vingança. Victoria tem que aceitar a realidade dos eventos que levaram ela para a beira da loucura se ela tem alguma esperança de salvar seu filho Wayne, que agora está nas garras de Manx e na Terra do Natal.

Enquanto os elementos sobrenaturais e de terror desta história são de primeira qualidade, são os personagens que realmente se destacam. Vic McQueen é uma força da natureza, ela é uma ótima personagem principal. As coisas que ela passou e as coisas que ela é capaz de fazer com a mente deixa qualquer um pouco perturbado. Mas ela é forte, e precisa confiar em si mesma mais. Cada personagem neste romance é dolorosamente incrível, com potencial para ser explorado. Esse livro está repleto de personagens que vão partir o seu coração e te deixar torcendo ao mesmo tempo.

Joe Hill tem um talento especial para criar e contar histórias, brincando com detalhes suficientes para trazer o fantástico para a vida, sem nunca ficar preso na construção de mundo, e com uma imaginação em que é fácil de se perder. Joe Hill soube equilibrar uma história complicada, personagens incríveis e uma sensação realmente horripilante de medo e desconforto.


A capa é maravilhosa! E todo o trabalho gráfico do livro está excelente!! A diagramação, revisão e tradução estão ótimos! Parabéns a editora pelo trabalho primoroso!

"Nosferatu" é uma obra de impressionante criatividade, e que pode dar-lhe muitas noites sem dormir, de tão poderosa que são algumas das imagens que ele criou. A história não só domina a atenção do leitor, ela flui de maneira tão perfeita que previne os leitores de contemplar a conclusão da história com antecedência. A trama flui surpreende, entretem, tem suspense e terror. Recomendo.

2 comentários:

  1. Amei,amei,amei.Parece incrível.Adorei a capa!

    ResponderExcluir
  2. Oi!
    Primeira resenha que li e adorei.
    Realmente o trabalho gráfico parece incrível.. a capa está maravilhosa.

    bjs
    nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...