Blogger Widgets

[Resenha #523] Olhos de Raposa – Fabrício Carpinejar



Olhos de Raposa
Coleção Pedaços de Vida
Fabrício Carpinejar
ISBN: 9788566470451
Ano: 2014
Páginas: 128
Idioma: português
Editora: Edelbra
Skoob
Classificação: 5 estrelas
Compre: Saraiva


Olhos de Raposa - A Coleção Pedaços de Vida apresenta a biografia do olhar paterno. Nas crônicas temos Fabrício Carpinejar às voltas com os filhos Mariana e Vicente. São memórias da vida com os filhos, dos sentimentos despertados pela paternidade.



Olá leitores!

A coleção Pedaços de Vida do autor Fabrício apresenta uma pequena biografia sobre a vida em família do autor, principalmente com os filhos. Aqui conhecemos através de crônicas os passeios, medos e conquista do pai Fabrício e dos filhos Mariana e Vicente.


As crônicas são sempre divertidas e reflexivas. Uma que muito me deixou emocionada foi “Uma fatia de torta” onde uma avó compra apenas um pedaço de torta para o neto, em comemoração a seu aniversário de 8 anos. Fiquei extremamente tocada, pois percebi, mais uma vez, que o simples é tão importante e demonstra tamanho amor e carinho que o muito, muitas vezes não tem.

O Fabrício escreve de forma simples os acontecimentos e os ensinamentos que passa aos seus filhos no dia-a-dia. Não tem outra opção, a não ser, ficar tocado e procurar sempre fazer o melhor para quem nos rodeia também.


A relação entre a filha Mariana e Vicente é linda, cheia de amor e esperança. A crônica “o primeiro gol do meu filho” mostrou a Carpinejar que tentar ser pai-técnico nem sempre fará com que os filhos evoluam e sua forma de querer ajudar Vicent apenas o atrapalhou. 




Olhos de Raposa nos transporta para a saudade que sentimos das coisas felizes que já vivemos e que somos capazes de sermos felizes pelos outros, mas que também necessitamos aprender a sermos felizes sozinhos. Parece meio complexo, mas o fato é devemos ser felizes com tudo e só...


Que não podemos apenas viver a felicidade de outra pessoa e sim construir a nossa própria para que um dia, quando os outros não tiverem a felicidade de viver, nós possamos compartilhar a nossa com eles. A felicidade vem de dentro, não é algo externo.... Sentiram né? hahahaha.

Essa é mais uma obra incrível do autor e as ilustrações da Ana Pez, são lindíssimas. Recomendo! 


Resenha feita especialmente para o blog Lost Girly Girl por Fernanda do blog Amor Literário e Colaboradora do blog Lost Girly Girl

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...