Blogger Widgets

[Resenha #535] Uma Visão do Fogo - Gillian Anderson e Jeff Rovin @EditoraLeya @GillianA


Uma Visão do Fogo
Saga do Fim do Mundo # 01
Gillian Anderson e Jeff Rovin
ISBN-13: 9788577345014
ISBN-10: 8577345017
Ano: 2014
Páginas: 304
Editora: LeYa
Skoob
Classificação: 4 estrelas
Compre: Saraiva


O primeiro romance de Gillian Anderson, protagonista da série Arquivo X no papel da agente Scully, é um thriller de ficção científica de proporções épicas.
A especialidade de Caitlin OHara, uma renomada psicóloga infantil, é ajudar crianças e jovens que sofreram algum tipo de trauma. Mas sua vasta experiência é desafiada quando Maanik, filha do embaixador da Índia na ONU, começa a ter visões, falar línguas desconhecidas e se autoflagelar em uma espécie de transe. Caitlin tem certeza de que os ataques estão ligados à recente tentativa de assassinato do pai da menina, fato que provocou uma tensão nuclear entre Índia e Paquistão. Mas quando adolescentes de outras partes do mundo começam a ter visões semelhantes, Caitlin percebe que uma força oculta pode estar por trás do fenômeno...
Sob a iminência de um conflito global, Caitlin terá que viajar por diversos países em busca de possíveis ligações paranormais entre os incidentes a fim de salvar não apenas sua paciente, mas talvez o mundo.



Resenha:



"Uma visão do fogo" é o primeiro livro da Saga do Fim do Mundo escrito pela Gillian Anderson, que para quem não se lembra era a Scully de Arquivo X, em parceria com Jeff Rovin.

Nossa protagonista, Caitlin O'Hara, é uma mulher racional que é jogada em um mistério sobrenatural. Ela não é Dana Scully, personagem icônico de Arquivo X, mas bem que poderia ser. Caitlin tem a mente fechada, por isso, quando ela é confrontada com o paranormal, ela procura uma explicação lógica. Quanto mais ela investiga, mais seu ceticismo dá lugar a uma aceitação hesitante dos eventos fantásticos em torno dela.

Em meio a um cenário de deterioração das relações entre Índia e Paquistão, é feita uma tentativa de assassinato contra o embaixador da Índia. Ele sobrevive, mas sua filha, Maanik, entra em um estado de transe, fala em outras línguas e tem visões. O embaixador chama Ben, um interprete da ONU, que é seu homem de confiança, para chamar Caitlin que é uma psicóloga, e o diagnóstico inicial de Caitlin é que Maanik está sofrendo de estresse pós traumático por causa do recente atentado contra a vida de seu pai. A condição de Maanik deixa seu pai bastante abalado e sem condições de manter as conversações de paz entre Índia e Paquistão. Cada momento que ele passa com sua filha ameaça alguma esperança de resolução entre os dois países; uma guerra parece iminente.

Caitlin depois acaba verificando que o caso de Maanik não é o único. Em todo o mundo muitos adolescentes estão sofrendo de sintomas semelhantes de Maanik, eles estão tendo visões do fim do mundo e Caitlin começa a notar um padrão estranho. Antes que ela perceba o que está acontecendo, Caitlin é lançada em uma corrida contra o tempo para descobrir a ligação entre estes incidentes aparentemente desconexos. Para tornar as coisas ainda piores, a tentativa de assassinato do pai de Maanik, provocou uma crise internacional e contra este pano de fundo, Caitlin deve encontrar uma solução.

Buscando entender e tratar a condição de Maanik, Caitlin embarca em uma aventura que envolve um grande mistério e uma civilização antiga. Será que Caitlin vai descobrir o que está acontecendo?


A escrita é cativante e fluída, com personagens bem desenvolvidos, eu gostei muito de Caitlin O'Hara, ela é uma personagem inteligente e com muita força de vontade. Nada fica em seu caminho quando ela está tentando ajudar um paciente. Sinceramente, nada fica em seu caminho em tudo. Uma mãe solteira com um filho surdo, ela pode curar a angústia mental de uma criança vítima de guerra e ainda estar em casa a tempo para falar com Jacob sobre o seu dia na escola. Ela é PhD, extremamente inteligente, e até mesmo Scully ficaria impressionada.

Uma coisa que eu realmente gostei muito foi o romance de Caitlin e Ben. Apesar de não era uma parte dominante da história, mas o romance estava lá, o que significa, que o leitor é levado a ficar sempre torcendo para que eles fiquem juntos. Gillian Anderson e Jeff Rovin escreveram um livro intrigante, e eu mal posso esperar para ler o resto da série.

"Uma Visão do Fogo" é um livro fácil de gostar, e prende a atenção, tem uma escrita rápida, e quando você se dá conta está mergulhado e envolvido pela trama de mistérios. Neste primeiro livro de uma trilogia, Gillian Anderson e Jeff Rovin elaboraram uma história única, e com certeza irá cativar todos os leitores. A gama de histórias e subtramas são reveladas aos poucos, dando espaço para os próximos livros da série. Recomendo!



1 comentários:

  1. Adorei sua resenha! O livro me chamou bastante atenção, por abordar essa coisa paranormal. Sinceramente, adoro esse tipo de leitura! Terei que buscar mais sobre o livro, e autora, porque parecem-me bem legais.

    Beijos,
    http://lendouniversos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...