Blogger Widgets

[Resenha #551] Dias Infinitos - Rebecca Maizel @galerarecord @RebeccaJoym


Dias Infinitos
Rainha Vampiro # 1
Rebecca Maizel
ISBN-13: 9788501095473
ISBN-10: 8501095478
Ano: 2015
Páginas: 384
Editora: Galera Record
Skoob
Classificação: 4 estrelas
Compre: Submarino

Cansada de passar seus infinitos dias perseguindo e matando vítimas inocentes, Lenah Beaudonte, uma poderosa vampira da era vitoriana, decide abandonar seu coven de comparsas decadentes e transformar-se em humana. Mas o ritual capaz de transformá-la é extremamente perigoso. É necessário que um vampiro se sacrifique por ela, e não só isso; Lenah precisará passar 100 anos hibernando.
Felizmente, Rhode, o grande amor da vida dela, resolve se sacrificar para realizar esse sonho. E a transformação é bem-sucedida. Após 592 anos, Lenah acorda em um corpo humano, na prestigiosa escola particular Wickham, em Massachusetts. Ela está completamente sozinha em outro século e precisa aprender a viver no mundo moderno, como uma adolescente comum. E justamente quando Lenah parece ter se adaptado à nova vida, feito novos amigos e até arrumado um namorado, o passado volta para assombrá-la. Seus ex-companheiros vampiros embarcam em uma caçada mortal para encontrá-la e capturá-la. Agora não só Lenah, mas todos que ama correm perigo. Será que ela conseguirá escapar e salvar os amigos sem revelar seu maior segredo?


"Dias Infinitos" é o primeiro livro da série Rainha Vampiro, e nossa protagonista é Lenah Beaudonte que foi transformada em uma vampira, quando ela era uma jovem adolescente na Inglaterra do século 15 durante a era Vitoriana. Através dos séculos, ela construiu seu poder e reputação e se tornou um das mais poderosas, cruéis e sanguinárias vampiras de seu tempo. Ela se tornou rainha de um clã poderoso e mortal, e agora ela tem 592 anos de idade.



Cansada da sua existência como vampira, ela quer voltar a ser humana novamente. Lenah precisava disso, não só para salvar a si mesma, mas todas as pessoas inocentes que poderiam cruzar seu caminho. Com a ajuda de Rhode, que foi quem a transformou, e é seu amante e melhor amigo, Lenah tem o seu sonho realizado. Rhode descobriu um antigo ritual, mas que para realizá-lo, ele teria que se sacrificar por ela, e Lenah teria que passar cem anos hibernando. Assim, Rhode não pensa duas vezes em realizar o sonho do amor de sua vida. 



Lenah, agora no século XXI, acorda desorientada e chocada ao descobrir que, depois de mais de cinco séculos, ela é humana novamente. Lenah, uma adolescente de dezesseis anos, tem que lidar com a sua nova realidade e se esforçar para se encaixar. Ela passa a frequentar o isolado e exclusivo colégio interno Wickham. Rhode foi quem a inscreveu nesse colégio, pois ele queria que Lenah tivesse a vida e as experiências que ele roubou dela quando ele decidiu transformá-la em vampira. Agora, Lenah precisa assimilar a si mesma e o mundo humano, a fim de permanecer escondida em segurança longe do seu clã. Pois, eles estão em sua busca, e a matarão pelos seus terríveis atos do passado. E tem também Vicken, um membro de seu clã, que está particularmente interessado em seu despertar. Seu ex-amante, ele anseia por tê-la ao seu lado novamente.



A princípio, Lenah tem dificuldade para assimilar o novo mundo humano. Ela não está familiarizada com a tecnologia do século 21. E também, ela não está habituada a sair de dia, pois ela fora privada disso por séculos. No entanto, quando ela faz amizade com Tony, um estudante de artes solitário, e as coisas começam a serem um pouco mais promissoras para Lenah, e também quando ela conhece Justin, um cara lindo, loiro e atleta popular ao qual irá despertar seu coração a muito tempo adormecido. Mas, com o seu clã atrás dela, Lenah terá que lutar para proteger aqueles que ama, e também se manter viva.



"Dias Infinitos" é diferente de qualquer outro livro que eu li no gênero de vampiros. Tenho o prazer de dizer que esse livro mais do que excedeu as minhas expectativas. "Dias Infinitos" é um retrato muito mais autêntica de vampiros, muito mais próximo de True Blood que Crepúsculo. Lenah virou uma personagem favorita. Apesar de todas as coisas horríveis e malignas que ela fez quando vampira, eu tenho tanta simpatia e compaixão por ela. A dura realidade de Lenah é que ela é uma vítima, bem como uma vilã. Nascida em 1400, Lenah é um produto do seu tempo e ambiente, tornando-a completamente compreensível porque ela assolou a Europa durante tanto tempo, ela estava preocupada com sua sobrevivência. O tédio da imortalidade e a falta de esperança também desempenharam um papel em seu comportamento nefasto. Lenah tinha nada, além de tempo ao seu lado, que ela usou para traçar formas criativas de matar e seduzir suas vítimas. 



Sobre os amores de Lehan, tenho que dizer que gostei de Vicken, mas só até aparecer Justin, aí mudei de lado e comecei a torcer por eles. Justin é forte, leal, dedicado, e fará de tudo para salvar Lenah do clã. Eu fiquei encantada com o seu caráter. Essa história de amor realmente me pegou com um romance sincero. Os conflitos que os personagens enfrentam são brutais e realistas. Também adorei a amizade entre Tony e Lenah, uma relação cativante e uma amizade realmente verdadeira, queria um amigo desses para mim! A autora fez um trabalho incrível em trazer esses personagens à vida, com um desenvolvimento da trama brilhante e uma conclusão impressionante.



A capa está linda, a diagramação, revisão e tradução estão perfeitos, e como sempre a editora fez um excelente trabalho.

"Dias Infinitos" é uma história cativante e envolvente, e sem clichês. A autora tem um dom incrível para contar histórias, e criação de personagens, e esta história não será facilmente esquecida. Os personagens são intensos, reais, e sua jornada é repleta de tragédia, perigo e amor. "Dias infinitos", sem dúvida, tornar-se uma série de leitura obrigatória para os amantes do gênero de vampiros. Mal posso esperar pela sequência. Recomendo!

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...