Blogger Widgets

[Resenha #648] A Playlist de Hayden – Michelle Falkoff @Novo_Conceito @MichelleFalkoff


A Playlist de Hayden
Michelle Falkoff
SBN-13: 9788581637044
ISBN-10: 8581637043
Ano: 2015
Páginas: 288
Editora: Novo Conceito
Skoob
Classificação: 5 estrelas
Compre: Submarino / Saraiva

Sinopse:
Depois da morte de seu amigo, Sam parece um fantasma vagando pelos corredores da escola, o que não é muito diferente de antes. Ele sabe que tem que aceitar o que Hayden fez, mas se culpa pelo que aconteceu e não consegue mudar o que sente. Enquanto ouve música por música da lista deixada por Hayden, Sam tenta descobrir o que exatamente aconteceu naquela noite. E, quanto mais ele ouve e reflete sobre o passado, mais segredos descobre sobre seu amigo e sobre a vida que ele levava. A PLAYLIST DE HAYDEN é uma história inquietante sobre perda, raiva, superação e bullying. Acima de tudo, sobre encontrar esperança quando essa parte parece ser a mais difícil.



    Sam acaba de encontrar seu melhor amigo, Hayden, morto em sua cama. Ao lado dele, Sam encontrou uma garrafa de vodca, um frasco vazio de remédio tarja preta, um pen drive e um bilhete que diz: “Para Sam. Ouça. Você vai entender”. Entre a saudade, a raiva, a tristeza e a culpa, Sam vai tentar entender o que realmente aconteceu na noite em que seu amigo tomou a decisão irreversível.



 

“Eu havia passado os últimos dias alternando o ódio por hayden com a saudade, me sentindo culpado e deprimido, sem saber como deveria me sentir, mas desejando me sentir, de alguma forma, diferente. Ele me deixou sozinho e eu jamais tinha feito isso com ele, não importava o quanto estivesse com raiva.” p. 16

    Sam e Hayden sempre foram os excluídos do colégio. Eles são nerds, amam jogos de computados e filmes, e não se encaixam em nenhuma das “turminhas” da escola. O irmão de Hayden, Ryan, e seus amigos, Jason e Trevor, sempre pegaram no pé de Hayden e, por isso, receberam o nome de Trifeta do Bullying. Para piorar, Hayden era disléxico e estava indo muito mal no colégio.




 
“Muitas pessoas querem ser invisíveis. Talvez elas até pensem que podem fingir que são. Mas sempre alguém as vê.” p. 44

    Enquanto ouve as músicas que seu melhor amigo deixou para ele, Sam começa a descobrir muitas coisas, pessoas e fatos que, até então, ele desconhecia. Além disso, Sam descobrirá que seu amigo não era exatamente quem ele imaginava.



 
“[...] nem por um minuto eu achei que Hayden tivesse a intenção de realmente fazer aquilo. Eu nunca tive. Eu sabia que as coisas estavam ruins. Não conseguia tirar aquela festa da cabeça, independente do quanto tentasse, mas não fazia a menor ideia do que o levou a adotar uma medida tão extrema.” p. 62-63

A cada novo capítulo, somos apresentados a uma das músicas que fazem parte da playlist de Hayden. Dessa forma, temos a trilha sonora perfeita para ler o livro. A narrativa é feita em primeira pessoa por Sam, a diagramação está ótima e a narrativa é simples e acessível.


 
“Às vezes eu me preocupo com a possibilidade de me sentir para sempre sozinho como me sinto hoje em dia.” p. 158

Eu demorei um pouco para me envolver na história, pois, no inicio, o ritmo é um pouco lento. No entanto, algumas páginas depois, o livro começa a fluir e é impossível parar de ler. Eu não via a hora de desvendar os mistérios e compreender o que levou Hayden a se suicidar.






 
“Eu jamais entenderia o quanto ele se sentiu ferido, confuso e desesperado a ponto de decidir que não valia mais a pena tentar [...]” p. 277

Bullying, amizade, culpa e amor são apenas alguns dos temas abordados no livro. Em meio a um cenário repleto de mistérios e acontecimentos inexplicáveis, acompanhamos Sam em sua busca por respostas. Esse é um livro que fará você sentir raiva, tristeza, compaixão e empatia, tudo ao mesmo tempo.

1 comentários:

  1. Oi!!!
    Simplesmente lindo seu post! Amei *-*
    Eu tive a oportunidade de ler os primeiros capítulos de A Playlist de Hayden, apesar de ser num rítmo lento como você citou, me apeguei bastante ao livro e aproveitei a leitura. Últimamente temos tido muitos livros sobre assuntos mais sérios e tocantes, tenho gostado muito.
    Amei as fotos do seu post e sua resenha, parabéns!
    Beijos!!
    Quer Falar de Livros?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...