Blogger Widgets

[Resenha #657] Um Dia de Cada Vez - Courtney C. Stevens @Suma_BR @Quartland


Um Dia de Cada Vez
Faking Normal # 1
Courtney C. Stevens
ISBN-13: 9788581052366
ISBN-10: 8581052363
Ano: 2014
Páginas: 231
Editora: Suma de Letras
Skoob
Classificação: 5 estrelas
Compre: Submarino


Sinopse: Alexi Littrell era uma adolescente normal até que, em uma noite de verão, sua vida é devastada. Envergonhada, a menina começa a se arranhar e a contar compulsivamente uma tentativa de fazer a dor física se sobrepor ao sofrimento que passou a esconder de todos. Ela só consegue sobreviver ao terceiro ano do ensino médio graças às letras de música que um desconhecido escreve em sua carteira. As canções parecem adivinhar o que o coração de Alexi está sentindo.
Bodee Lennox nunca foi um adolescente normal, mas agora é o menino que teve a mãe assassinada pelo pai. Em seguida, ele vai morar com os Littrell, e Alexi acaba descobrindo que o Garoto Ki-Suco, o quieto e desajeitado menino de cabelos coloridos, pode ser um ótimo amigo.
Em Um dia de cada vez, Alexi e Bodee, ao mesmo tempo em que fingem para o resto do mundo que está tudo bem, passam a apoiar um ao outro, tentando viver um dia de cada vez.



Oi Gente!

Quando peguei este livro, fiquei com medo de não gostar da leitura, mas quando dei uma olhadinha na sinopse, acreditei que seria legal. Alexi é uma garota que esconde algo terrível dentro de si, algo que o medo de contar a sufoca todos os dias de sua existência, pois desde o último verão ela deixou de viver e passou a perambular pela vida.



Bodee não está em dias tão fáceis, afinal, seu pai acabou de assassinar sua mãe e o garoto que já não era tão normal para o padrão dos outros passa de “garoto ki-Suco” para “o garoto que o pai assassinou a mãe”. Cada um deles tem suas dores, porém, a aproximação deles traz grandes reviravoltas e até uma possível cura.



O Garoto Ki-Suco vai viver na casa de Alexi e a amizade é inevitável desde o velório da mãe de Bodee, quando Lex compartilhou de sua dor em silêncio. Eles estavam em meio à multidão, no entanto, sozinhos, escondidos e sofrendo em segredo.

No último verão a vida de Lex foi devastada por algo que vamos descobrindo ao longo da leitura e mesmo assim o segredo ainda repercutiu até quase chegarmos ao final. Mesmo sabendo o que ocorreu, e o que a fez mudar tanto, o “quem” ainda precisava ser revelado, e quando aconteceu, confesso que fiquei chocada.


As personagens precisam lidar com suas dores e revoltas, mas o garoto á quem todos julgavam, como sendo apenas o antissocial é quem vai segurar a mão de Alexi quando ela mais necessitar. Fiquei de coração apertado esperando pelos desfechos e pelo amor.


Lex tem medo de contar o que aconteceu e o que a transformou na garota contida e “madura” que se tornou, mas a única pessoa para quem se abri é o estranho Garoto Ki-Suco. A relação deles é tão linda que me apaixonei logo de cara, mas voltando a Lex, ela costuma arranhar o pescoço causando dor física para fugir da dor que traz dentro de si.



Ainda tem a relação de Lex e sua irmã, que no principio sempre a vemos como uma megera e maluca, mas tem seus momentos de bondades, porém, no final, acabamos por admirá-la. Afinal, proteger a sua irmã caçula é mais importante do que tudo para ela.

Bom, recomendo para que leiam a obra e compartilhe com Lex e Bodee suas dores e conquistas. Quanto a diagramação do livro, achei simples e bonita.



0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...