Blogger Widgets

[Resenha #747] Star Wars – O Último Comando - Timothy Zahn @editoraaleph


Star Wars: O Último Comando
Trilogia Thrawn # 3
Timothy Zahn
ISBN-13: 9788576572695
ISBN-10: 8576572699
Ano: 2015
Páginas: 528
Editora: Aleph
Skoob
Classificação: 5 estrelas
Compre: Submarino

Sinopse:
Depois de Herdeiro do Império e Ascensão da Força Sombria, chega ao fim à legendária trilogia com o grão-almirante Thrawn, no auge de seu poder. Após resgatar a tecnologia de clonagem de soldados do derrotado Império, Thrawn se prepara para o ataque definitivo à Nova República. Nesse cenário, Han Solo e Chewbacca seguem com os últimos esforços para montar uma parceria com antigos traficantes; Leia, prestes a dar à luz seus filhos gêmeos, tenta manter a Aliança unida e Luke lidera uma importante missão para acabar com as forças remanescentes do Império. O grandioso final da trilogia que fez história no Universo Expandido de Star Wars traz alianças inusitadas, muita ação e grandes revelações, na aventura final para salvar a galáxia muito, muito distante.



O Último Comando veio para finalizar com chave de ouro a excelente Trilogia Thrawn de Timothy Zahn. Ele de fato escreve muito bem, conseguindo com maestria capturar os personagens de maneira única. A escrita é bem cinematográfica e é possível se transportar com exatidão para as cenas de ação.

Grão-Almirante Thrawn conseguiu por fim reunir os exércitos e os recursos que ele carecia para um ataque de proporções assustadoras contra a Nova República e a chave para seus planos são o exército de clones ele está criando. Os projetos de Thrawn para tirar a capacidade de Coruscant são progressistas e surpreendentes. Não fugindo da essência dos dois primeiros livros da trilogia, Thrawn está sempre um passo a frente de seus inimigos devido a sua mente ávida e sagaz. Para mim Grão-Almirante Thrawn é o vilão mais interessante e pitoresco de todas as histórias de Star Wars.

Mestre Joruus C'Baoth continua disposto a tudo para colocar suas mãos malignas em Leia e seus gêmeos Jaina e Jacen na tentativa de trazê-los para o lado negro da força.
Finalmente Talon Karrde parece descobrir a bondade dentro de si e coloca as pessoas acima dos lucros e passa finalmente a ajudar a salvar a galáxia. Foi um alívio ele por fim notar o qual ruim seria se o novo Império, comandado pelo Grão-Almirante Thrawn, destruísse a Nova República.

Luke finalmente entende que precisa combater Joruus C'baoth e que ele não passa de um mestre Jedi insano, que só visa o poder. Finalmente relembrei os bons tempos de Star Wars, quando Luke era apenas um rebelde guerrilhando contra o Império.


Mara Jade, que até o momento só pensava em aniquilar Luke parece que finalmente torna-se uma aliada mais que improvável para a Nova República. Será que realmente ela vai conseguir combater o comando decisivo do Imperador fixado em sua cabeça, que é de matar Luke Skywalker? E para piorar Léia sente o perigo que volta a rondar o irmão dela Luke... Nada bom né moçada?

Amei o terceiro livro da série e posso garantir que é uma experiência de leitura única. Há muita ação neste livro, com os personagens que voam por toda a galáxia. Fiquei realmente bastante ansiosa com o desfecho, que achei até rápido, mas por nenhum instante desmerecedor de minha admiração por essa narrativa fantástica.



3 comentários:

  1. Estou cogitando seriamente em ler esses livros,
    depois de todo o alvoroço que ando vendo devido ao lançamento do filme, estou me sentindo um álien por não saber absolutamente nada do assunto.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Pela resenha a trilogia é tudo de bom e mais um pouco, vou encomendar a minha para final de janeiro. #megaansiosa.Ótima resenha!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...