Blogger Widgets

[Resenha #763] Vango – Entre o Céu e a Terra - Timothée de Fombelle @MelhoramentosBR


Título: Vango – Entre o Céu e a Terra
Autor: Timothée de Fombelle
ISBN – 13:  9788506077481
ISBN – 10: 8506077486
Ano: 2015
Páginas: 360
Editora: Melhoramentos
Skoob

Classificação: 4 estrelas
Compre: Saraiva


Sinopse:
Vango é um jovem de origem misteriosa que fala cinco línguas e aprendeu sozinho a escalar muros e paredes e a andar por telhados perfeitamente. Os segredos de seu passado colocam sua vida em perigo, e a única certeza que ele tem é que, desde os 14 anos, alguém o persegue.


Resenha:

Confesso que minhas primeiras impressões sobre esse livro não foram lá essas coisas. Quer dizer, achei o nome bem esquisito e capa não é a mais bonita que eu tenho na minha estante. O que eu não sabia, na verdade, é que Vango seria uma enorme surpresa para mim, primeiramente porque foi o meu primeiro contato com o gênero thriller histórico e também porque foi o primeiro livro de um autor francês que eu li depois de O Pequeno Príncipe. 


O livro já começa com uma cena de ação digna de encher os olhos. Vango foi acusado injustamente de um assassinato. Porém, esse é um dos menores problemas de Vango: o menino é perseguido por alguém que deseja mata-lo há muito tempo e o mais preocupante é que ninguém acredita nele, acusando-o de paranoia. Depois de ter conseguido fugir da polícia no episódio inicial, Vango sai em uma aventura de tirar o fôlego em busca de socorro. 


O personagem principal é uma incógnita, já que possui um passado totalmente misterioso. A única coisa concreta que sabemos sobre ele é que é órfão e foi criado por sua babá, conhecida como Mademoiselle, em uma ilha afastada de tudo. Justamente por causa de sua criação, que foi um tanto livre, Vango adquiriu habilidades incríveis de escalada que o ajudaram em vários momentos da história. 


A narrativa se dá em terceira pessoa e acompanha diversos personagens, independentemente se são os amigos ou inimigos de Vango. Esse tipo de narração, para mim, é o melhor possível, pois assim conhecemos todos os lados da história e nos aprofundamos em cada personagem. Particularmente, a minha preferida foi Ethel, o suposto par romântico de Vango. O livro também está lotado de referências e nomes históricos: Hitler e Stalin são citados várias e várias vezes. 


Para ser sincera a única coisa que me incomodou de verdade em todo o livro foi a quantidade de erros de ortografia, principalmente de concordância. A cor da fonte também me causou um desconforto muito grande cada vez que eu ia ler, mas acabava me adaptando bem rápido; não é uma coisa que realmente impeça de ler o livro. 


Vango – Entre o Céu e a Terra é o primeiro volume de uma duologia, então as questões que não foram respondidas são totalmente aceitáveis. A diagramação está incrível (tirando a cor das letras, como já disse anteriormente), cheia de mapas, imagens e outras informações interessantes. Aguardo ansiosamente pela continuação, Vango – Um Príncipe Sem Reino. Enquanto isso, fico aqui com aquele gostinho de quero mais.

Quotes


“Seu chefe, Jacques Aristophane, [...] lhe dizia sempre que chegar com perguntas era dar a resposta.
– Veja, Boulard, se perguntar ao leiteiro se ele viu o gato da Sra. Michel na noite passada, você está informando que a Sra. Michel tem um gato, que há algum problema com o gato e que esse problema aconteceu na noite anterior. Mas, Boulard, se disser apenas "Bom dia", aí pode ser que ouça alguma coisa...”


"Pequenos milagres podem acompanhar grandes desgraças. Era isso o que Vango sempre pensara. Bastava ter confiança."

6 comentários:

  1. Nossa esse livro parece ser muito bom! E ter sido baseado em uma outra história deixa a leitura ainda melhor! Os mapas e as imagens também tem uma arte linda!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Ana Clara!
    Confesso também, que não tinha ficado interessado nesse livro, mas agora fiquei com vontade de ler.
    Adoro quando as diagramações são cheias de detalhes. :D
    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. Essa capa sempre me intrigou. Desde que a vi pela primeira vez, fiquei me perguntando que tipo de livro seria. Gostei muito da resenha,e quero muito saber que tipo de aventura Vango entrará. bjs

    ResponderExcluir
  4. Gostei da capa! E esse nome " thriller histórico" me deixou com muita vontade de ler!

    ResponderExcluir
  5. Gosto da capa, acho linda mas a historia não me chama atenção...

    ResponderExcluir
  6. Curti muito essa história. Um livro que vale muito a pena ter na estante.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...