Blogger Widgets

[Resenha #891] O Retorno de Izabel - J.A. Redmerski @Suma_BR @JRedmerski


O Retorno de Izabel
Na Companhia de Assassinos # 2
J.A. Redmerski
ISBN-13: 9788581052960
ISBN-10: 8581052967
Ano: 2015 
Páginas: 232
Idioma: português
Editora: Suma de Letras
Classificação: 5 estrelas
Skoob
Compre: Saraiva

 
Sinopse: Determinada a levar o mesmo estilo de vida do assassino que a libertou do cativeiro, Sarai resolve sair sozinha em missão, com o propósito de matar o sádico e corrupto empresário Arthur Hamburg. No entanto, sem habilidades nem treinamento, os acontecimentos passam muito longe de sair como o planejado. Em perigo, Sarai nem acredita quando Victor Faust aparece para salvá-la — de novo. Apesar de irritado pelas atitudes inconsequentes dela, ele logo percebe que a garota não vai desistir de seus objetivos. Então, não há outra opção para ele a não ser treiná-la. Com tamanha proximidade, para eles é impossível resistir à atração explosiva. Nem Victor nem Sarai podem disfarçar o que sentem, ou negar o desejo que os une. No entanto, depois de tantos anos de sofrimento e tantas cicatrizes emocionais, será que eles conseguirão lidar com um sentimento como amor? Só que Sarai — novamente na pele de Izabel Seyfried — ainda terá que passar por um último teste; um teste para provar se conseguirá viver ao lado de Victor, mas que, ao mesmo tempo, poderá fazê-la questionar os próprios sentimentos e tudo que sabe sobre esse homem.



Sabe quando você fica orgulhosa do amadurecimento de uma autora? Essa sou eu com a J.A. Redmerski! Se nos dois primeiros livros achei a história bem fraca, ela amadureceu muito na escrita de A Morte de Sarai e mostrou isso mais um vez com O Retorno de Izabel. 


“Apenas duas coisas podem acontecer: ou esta será minha primeira noite como assassina ou a última da minha vida.”



No final do primeiro livro Victor Faust deixou Sarai com Dina que é a coisa mais parecida que ela já teve como mãe quando era pequena e antes de ser levada para o México. Ele decidiu que era melhor assim já que ambos corriam risco de morte. Oito meses se passam, Sarai já tem uma melhor amiga e um lindo namorado, mas essa não é a vida que ela quer. Sarai quer vingança e decidi viajar para Los Angeles atrás de Hamburg e matá-lo.


“No fundo, sei que nada disso é culpa de Victor, sei que ele só fez o que fez para me proteger. Mas a maior parte de mim, a parte que não quer acreditar que eu não tenho mais salvação, quer pôr a culpa em qualquer um, menos em mim mesma.”



Victor deixou sua Ordem e é caçado por seu irmão Niklas que sempre quis ser mais importante dentro da organização, agora Victor precisa tomar conta da sua nova Ordem, de sua vida e de Sarai, ele acaba encontrando-a na sua missão suicida graças ao seu contato e a Fredrik que é leal a Victor mesmo ainda estando dentro da Ordem. 



Fredrik é um cara reservado, sexy e que gosta de causar dor nas pessoas, ele é um cara engraçado mas na hora do trabalho ele se torna um grande perigo e vamos ver isso no próximo livro já que ele é o protagonista.  Os três juntos vão buscar a vingança que Sarai tanto quer, além de fazerem seus próprios trabalhos como matar um terrorista da Venezuela e lutarem contra Niklas.


“Fredrik deixa sua última seringa na mesa e se aproxima de Sarai. Ela não se move, apesar do olhar sombrio e sedutor dele. Fico pouco à vontade quando Fredrik passa o dedo indicador por seu cabelo castanho solto.”

Sarai realmente não consegue ter uma vida normal, depois de tudo o que passou chega até ser aceitável e também chega a ser doloroso porque ela gostaria de ter sentimentos que não assombram sua vida. Victor foi criado no meio de assassinos então é fascinante saber que ele tem um coração, medo e que ele pode ser até certo ponto como outras pessoas.


“Tudo que vai volta, suponho. E a vingança por todas as mortes que causei ou das quais participei está chegando mais cedo do que eu esperava.”


Nesse livro também temos mais romance, Victor e Sarai negam que estão apaixonados porém conseguimos perceber como são dependentes um do outro, como o ciúme circula o relacionamento deles e principalmente o medo quem ambos têm de se perderem. O romance não é nada forçado e isso me deixou bastante contente já que aos poucos vamos entendendo melhor a relação deles.

Mais uma vez fico grata por esse livro que está maravilhoso, como os pontos se conectam e a escrita da autora flui bem e a leitura também. A editora fez mais uma vez um lindo trabalho com a edição do livro. A tradução é impecável, as folhas amareladas são ótimas e a capa mais um vez magnifica. Recomendo a leitura e estou ansiosa pra ler O Cisne e o Chacal que será a história de Fredrik.



2 comentários:

  1. Luana esse livro é incrível. Não consegui parar de ler. Adorei sua resenha!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...