Blogger Widgets

[Resenha #906] A Vingança veste Prada - Lauren Weisberger @editorarecord


A Vingança Veste Prada
O Diabo Está de Volta
Lauren Weisberger
Nenhuma oferta encontrada
ISBN-13: 9788501403049
ISBN-10: 8501403040
Ano: 2013
Páginas: 444
Idioma: português
Editora: Record
Skoob
Classificação: 4 estrelas


Depois abandonar o emprego na Runaway há quase dez anos e se livrar da insuportável Miranda Priestly, Andrea Sachs agora é a bem-sucedida editora de uma revista de luxo sobre casamentos, a Plunge. Ao lado de Emily, antiga colega de trabalho e sua atual melhor amiga, sua vida não poderia estará melhor: além do sucesso do novo empreendimento, ela está prestes a casar com um dos solteiros mais cobiçados de Nova York. Mas uma semana antes do casamento, um fantasma do passado, ou melhor, um diabo, volta a assombrá-la.
Observação: continuação do sucesso "O diabo veste Prada".



Vou confessar que estava esperando odiar esse livro. Mas calma, explico o motivo. Todo mundo sabe do sucesso imenso que foi o filme o Diabo veste Prada que particularmente é um filme que eu Amo, mas isso não aconteceu com o livro quando comecei a leitura. Não sei se o momento que não foi favorável, mas não consegui engatar na leitura do primeiro livro sendo assim o abandonei nas primeiras páginas. Quando chegou pra mim a continuação da história através da parceria com um blog literário no qual eu resenho livros fiquei muito receosa de iniciar a leitura e me pegar no mesmo momento que o primeiro livro. Mas respirei fundo e pensei comigo mesma "É isso ai, vamos dar uma chance pra esse livro" e olha, que bom que eu pensei isso porque  a vingança veste Prada me agradou muito. 


Começar dizendo que vingança não é bem o foco do livro e nem o que eu esperava quando iniciei a leitura. Obviamente, estava nítido que a personagem desagradável e exigente Miranda Priestly se envolveria novamente na história e eu estava MUITO curiosa da forma como isso aconteceria. O livro parte do tempo após quase dez anos em que Andy largou o emprego na Runway. Com isso, muita coisa aconteceu e coisas improváveis aconteceram. Andy agora é uma empresária bem sucedida e editora de uma revista de casamentos de luxo ao lado de ninguém ninguém menos que Emily. Sim, a Emily que a tratava mal e que ela mal suportava. 



Acontece que depois de muito tempo as coisas mudaram e elas não só se tornaram sócias como amiga, melhores amigas na verdade.  Nada poderia estar melhor, Andy está para casar com um dos solteiros mais cobiçados da cidade e sua revista vem crescendo cada vez mais. Tudo muda quando uma proposta surge feita por um certo diabo que ainda assombra Andy em alguns pensamentos.  A Vingança veste Prada é um livro que me surpreendeu. Com ele, consegui refletir sobre o futuro, o que aconteceu na vida de Andy depois de ela largar o trabalho na Runway e deixar de ser escrava de Miranda. O mais curioso durante a narrativa é ver como o jeito de Miranda trata-la a afetou e ainda afeta em muitos aspectos apesar de já terem se passado vários anos. Durante a narrativa também descobrimos o que aconteceu na vida amorosa de Andy e como ela se tornou ironicamente a melhor amiga de uma garota que mais parecia sua inimiga. O livro tem um desenvolvimento muito interessante e que agrada durante a leitura da história. Li muitas críticas negativas ao livro, mas ao meu parecer a autora conseguiu passar o que aconteceu depois daquele período conturbado na Runway na vida de Andy. 





Os títulos são muito interessantes e diferentes se destacando durante a leitura dos capítulos seguintes. Andy continua firme e engraçada pra mim. Já Emily não mudou em nada e apesar de ter explicado como a amizade das duas surgiu, não entendi bem como elas se tornaram melhores amigas e sócias. Miranda Priestly, bem, ela continua do mesmo jeito e não tem um papel tão grande e influente sobre a história como eu achei que teria. Ela aparece um bom tempo depois no livro e mesmo assim não é tão predominante. O livro foca no que aconteceu depois de ter saído do emprego, como Andy está lidando com as coisas, seu lado amoroso e profissional. Gostei muito de como a relação de Andy e Max foi abordada e de como a autora focou em vários pontos e não somente na Miranda. O final pra mim foi surpreendente já que esperava algo totalmente diferente. Não posso falar muito mais para não soltar spoilers, mas posso dizer que fiquei orgulhosa da Andy não ter se rendido. 



Com alguns flashes, e personagens conhecidos do primeiro livro muitos momentos do emprego louco de Andy é lembrado durante a narrativa. A vingança veste Prada pode não ter nada de vingança mas agrada e consegue manter o leitor em um ritmo agradável interessante. Pode não ser tão bom quanto a história do primeiro livro, mas com certeza me agradou muito no desenvolvimento e no enfoque dos personagens pós Runway. Se você leu o primeiro livro é obrigatoriamente forçado a ler a continuação. Afinal, quem consegue esquecer Miranda Priestley?
Recomendo.


1 comentários:

  1. Adoro o diabo veste prada, e não sabia sobre esse livro! Adorei a resenha :D

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...