Blogger Widgets

[Resenha #1100] Garotas de Vestido Branco - Jennifer Close @BertrandBrasil @jenniferclose


Garotas de Vestido Branco
Jennifer Close
ISBN-10: 8528618188
ISBN-13: 978-8528618181
Páginas: 280
Ano: 2016
Editora: Bertrand
Idioma: Português
Classificação: 4 estrelas
Skoob
Compre: Saraiva

Sinopse:
Três amigas, muitos casamentos... sendo que nenhum é de alguma delas! Isabella, Mary e Lauren sentem que todos os seus amigos estão se casando. Domingo após domingo, chá de panela após chá de panela, elas admiram presentes, recolhem fitas e papéis de embrulho e comem sanduíches e cupcakes enquanto usam vestidos em tons suaves e bebem champanhe. Mas, em meio a tanta comemoração, essas mulheres têm a própria vida para enfrentar. Com um senso de humor carregado, Jennifer Close nos faz reviver os tempos de emoção, desconcerto e “o que diabos estou fazendo com a minha vida?” do início da idade adulta. Passando por péssimos encontros familiares, viagens desastrosas e relacionamentos arruinados pela política ao mesmo tempo que outros começam em pet shops, Garotas em vestidos brancos nos leva para dentro de um círculo de amizade que, com perfeição, reúne alegrias e frustrações da vida moderna.



Resenha:

Vou começar dizendo que precisamos de mais livros como esse: alegre, divertido, contemporâneo e que nos rememore situações engraçadas (outras nem tanto assim), de quando saímos da faculdade com milhões de ideias na cabeça, zero dinheiro para financiá-las, um trabalho mediano e aquela vontade ferrenha de encontrar um grande amor!



Assim, vamos conhecer Isabella, Mary e Lauren, três amigas que imergiram no mundo real após o término na faculdade e então tentando desvendar os segredos ocultos da “vida adulta”. Como trabalhar, ter tempo para ficar bonita e alavancar a vida amorosa e encontrar aquele boy magia que mudará suas vidas. 


A vida está muito chata e previsível. Isabella trabalha em uma empresa de e-mail e marketing e tem uma chefe tirana que vive gritando ao mundo que está de dieta embora só funcione depois que comer seu muffin de chocolate e a encarregada disso é nossa jovem Isabella.

Mary é advogada e trabalha numa empresa super bem conceituada e praticamente mora no emprego com a esperança de crescer e quem sabe se tornar sócia da empresa.


Já Lauren, só conseguiu um emprego de garçonete, mesmo terminando a faculdade e de quebra tem que lidar com um bartender pra lá de bom, que não vale um centavo. Embora o emprego tenha sido apenas uma opção enquanto não surgia algo melhor, ela não parece querer sair e continua empurrando com a barriga.

E enquanto as três amigas finalmente tentam dar uma guinada, reagindo e saindo desse marasmo, cada amigo em comum parece que vão se casar o que deixam nossas moiçolas desesperadas. Chegar aos 30 anos, solteiras, sem filhos e sem um emprego legal não seria uma experiência nada gratificante, além de vir às cobranças de amigos e família.


O livro dá mais visibilidade à vida de Isabella, Mary e Lauren, mas vários outros interpretes compartilharam suas histórias. Foi um pouco complicado abrir espaço na mente para tantos personagens, no entanto fui pegando o jeito e consegui desfrutar de todas as histórias.

São realmente histórias irreverentes que não decepcionarão o leitor que procura uma narrativa descontraída. Tem cenas para todos os gostos: as de morrer de rir e as de partir o coração.


A autora Jennifer Close, captura como ninguém as emoções conflitantes, cenários desconcertante, tristezas, mágoas, más decisões, tentativas frustradas e principalmente a capacidade de ser forte e encontrar coisas boas em meio ao caos e conseguir sobreviver a todas as dificuldades impostas pela vida.


1 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...